Força-tarefa entra no terceiro dia de combate ao incêndio na Serra de Lajeado

0
20

Queimada de grandes proporções destruiu depósito de veículos durante o fim de semana e está em áreas de difícil acesso. Morador consegue registrar queimada na Serra do Lajeado de um apartamento em Palmas
O combate ao incêndio florestal na serra do Lajeado, na região central do Tocantins, entrou no terceiro dia nesta segunda-feira (30). São vários focos de incêndio espalhados em áreas de difícil acesso, dificultando o combate às chamas. O fogo começou no sábado (28) e chegou a cobrir de fumaça a parte central do plano diretor de Palmas durante o fim de semana.
Um vídeo feito na área urbana de Palmas na madrugada desta segunda-feira (30) mostra uma linha de fogo percorrendo a Serra do Lajeado. Imagens feitas pelo Corpo de Bombeiros mostram as chamas subindo nas encostas, em que o acesso é quase impossível pelo solo.
De acordo com a Prefeitura de Palmas, há duas frentes do incêndio na serra, sendo uma na região do Morro da Tartaruga e outra na região de Taquaruçu Grande. Os dois focos de incêndio foram identificados pela Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), que fez um sobrevoo na Serra do Lajeado logo pela manhã desta segunda (30).
FOTOS: imagens mostram destruição e combate a incêndio que destruiu veículos em Palmas
Vídeo mostra queimada na Serra do Lajeado; confira
A força-tarefa conta com homens do Corpo de Bombeiros, Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Semarh), Defesa Civil Estadual, Brigada Estadual de Combate a Incêndio Florestal, Ciopaer, Brigada Previncêndios de Palmas e Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins).
Segundo os bombeiros, o incêndio de grandes proporções atinge, inclusive, a região de chácaras de Palmas, onde moram centenas de famílias. Durante o fim de semana o helicóptero fez lançamentos de água nas áreas de difícil acesso por um helibalde.
Serra pega fogo há três dias
Luiz Henrique Machado/Bombeiros/Divulgação
Pátio de veículos destruído
Cerca de dois mil veículos foram destruídos após incêndio no pátio da Polícia Civil
Apesar de o fogo ter começado no sábado (28), o combate na serra do Lajeado só foi intensificado no domingo (29). Isso porque ao longo do primeiro dia as equipes acabaram precisando priorizar um dos focos que atingiu um pátio de veículos da Polícia Civil na capital.
Como havia combustível armazenado em um tanque no local, assim como nos veículos apreendidos, as equipes ficaram mais mobilizadas nesta ocorrência. O levantamento inicial aponta que dois mil veículos foram destruídos pelas chamas.
Foram atingidas milhares de motos, carros e até caminhões. “Nós tivemos um incêndio de grandes proporções. Era muito material combustível a ser queimado e infelizmente muito material foi queimado. Foi preciso muita técnica, muita tática e estratégia enquanto o vento virava de posição, por exemplo. As equipes se empenharam e todo o nosso efetivo de Palmas foi empregado aqui”, comentou a comandante dos bombeiros Andreya de Fátima Bueno.
O combate durou várias horas e contou com a participação dos Bombeiros, Ciopaer, brigadistas estaduais e municipais, voluntários e caminhões-pipa.
Fogo atingindo serra em Palmas
Luiz Henrique Machado/Corpo de Bombeiros/Divulgação
Helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) lançando água sobre os veículos
Luiz Henrique Machado/Governo do Tocantins
Incêndio na serra do Lajeado mobiliza equipes neste domingo (29)
Marcelo Dronepmwfilmes
Brigadista combatendo incêndio em vegetação
Luiz Henrique Machado/Bombeiros/Divulgação
Brigadistas combatendo incêndio em serra de Palmas
Luiz Henrique Machado/Bombeiros/Divulgação
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins