Cadela morre e dois cães são resgatados após passarem uma semana sem água e comida em casa

0
22

Fato foi registrado em Araguaína, no norte do Tocantins, depois que vizinhos picharam portão com denúncia. Caso viralizou nas redes sociais e animais foram resgatados por associação. Dois cães são resgatados após denúncias de que animais estavam há dias sem água
Três cães foram deixados em uma casa sem comer e beber água por pelo menos seis dias em Araguaína, no norte do Tocantins. Quando o resgate finalmente chegou uma cadela foi encontrada morta. Os animais vítimas de maus-tratos foram encontrados dentro de uma casa murada que serve como depósito de peças automotivas no setor Araguaína Sul.
O portão do local chegou a ser pichado por um dos vizinhos como forma de enunciar: “Cães pedem socorro. 6 dias, fome”, diz a mensagem. Nenhum responsável pelo imóvel foi localizado para comentar o caso.
Cães foram resgatados em casa de Araguaína
Reprodução
Os animais foram resgatados neste domingo (29), depois que o caso viralizou nas redes sociais e chegou até a Associação de Protetores de Animais de Araguaína.
Segundo a presidente da organização, Maria de Jesus Holanda Gomes, a intervenção dos vizinhos foi crucial para salvar pelo menos dois cães. O animal que morreu era uma rottweiler fêmea.
“Segundo o que nos foi relatado, eles [vizinhos] ligaram por diversas vezes na Polícia Ambiental e não foram atendidos. Sem saber o que fazer eles escreveram de grafite no portão. Aquilo circulou nas redes sociais, em grupos, e chegou até ao CCZ, que nos procurou e fomos até o local com a Polícia Militar”, contou.
Cão morre após ficar seis dias sem água e comida em Araguaína
Os dois cães que sobreviveram foram levados para uma clínica particular, onde estão recebendo o tratamento veterinário. Depois eles devem ser encaminhados para adoção.
Maus-tratos a animais é crime com pena que pode chegar a um ano de prisão. O G1 solicitou informações da Polícia Militar e Polícia Civil, mas não houve resposta até a publicação desta reportagem.
Vizinhos fizeram denúncia em portão de casa
Reprodução
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Fonte: G1 Tocantins